Buscar
  • Astênio Araújo

Os Axiomas da Energia #3

AXIOMA # 3 – COM TALENTO, TUDO FICA MAIS FÁCIL

“Os talentos atingem metas que ninguém mais pode atingir, os gênios atingem metas que ninguém jamais consegue ver." (Arthur Schopenhauer).

"Qualquer tolo inteligente consegue fazer coisas maiores e mais complexas. É necessário um toque de gênio e muita coragem para ir na direção oposta." ( Albert Einstein )

"O mais valioso de todos os talentos é aquele de nunca usar duas palavras quando uma basta."

(Thomas Jefferson)



A distribuição das tarefas em função das afinidades das pessoas, conforme descrito no Axioma # 2, não resolve todos os problemas de eficiência no uso da energia. Infelizmente, não é tão fácil, quanto se pensa, colocar as pessoas nos lugares certos. Nem sempre o que as pessoas adoram fazer corresponde ao que elas podem efetivamente fazê-lo.

Algumas limitações existem. Há limitações físicas e inabilidades intelectuais. Uma pessoa de um metro e meio terá dificuldades para jogar basquete em uma liga profissional, mas tem fatores positivos para praticar ginástica olímpica, por exemplo.

O mesmo conceito pode ser aplicado às habilidades mentais. Conheço gente que já entrou em cursos de inglês, por mais de uma dezena de vezes, e mal consegue pronunciar “good morning”, enquanto outras aprenderam o idioma ouvindo música, sozinhos, sem aparentemente fazer muito esforço. Tive um amigo de infância que adorava jogar futebol. Ele era o primeiro a chegar, no campinho, e o último a sair também, e mesmo assim não conseguiu se tornar um jogador razoável. Há pessoas que parecem ter talento natural para algumas atividades como, por exemplo, tocar música, outras para praticar esportes, algumas para matemática, e assim por diante.

A estas habilidades naturais chamamos de dom. Eu particularmente acredito que estas habilidades naturais podem também ser imitadas, usando outro de tipo de abordagem, a ser tratada mais a frente. Por enquanto, cabe-nos ajudar aos nossos amigos, filhos e funcionários a descobrirem e classificarem estas habilidades.

OS SETE NÍVEIS DAS HABILIDADES



O quadro é auto-explicativo. As pessoas com níveis +2 e +3 possuem talento para desempenhar bem suas funções e com muito mais facilidade do que as de outros níveis.

As pessoas do +1 conseguem desempenhar de forma razoável uma determinada tarefa. As demais, do nível 0 até o -3, gradativamente apresentam a falta de talento.

Em se tratando de uma empresa, que procura talentos no mercado, não vai ser fácil ter “mestres” em todos os cargos. Dependendo da região ou da especialidade, haverá escassez. Outro aspecto, é que talvez fique muito caro manter um time somente com pessoas de primeira linha. Nestes casos, recomendo que se faça uma mesclagem, colocando algumas pessoas talentosas junto com pessoas de menor desempenho.

Reter os talentos descobertos é também um grande desafio para as organizações. Hoje as empresas criaram vários incentivos para manter esse grupo dentro de casa. O certo é que, sem talentos, é muito difícil para uma empresa competir no mercado dos dias de hoje. Há muita necessidade de se reinventar a empresa em períodos cada vez mais curtos.

E como fazer para descobrir os seus próprios talentos? Se você já nasceu, por exemplo, em uma família de músicos e tem talento natural para isto, vai muito fácil de descobri-lo. Você fica o tempo inteiro exposto às oportunidades. A qualquer hora você vai encontrar um violão encostado no canto da parede, pegá-lo e arriscar umas dedilhadas. Daí o talento é revelado.

Mas, como fazer para descobrir os talentos que você não sabe que tem? Minha sugestão é que você experimente um pouco de cada coisa. Faça uma lista de atividades a “degustar”. Ponha lá coisas como: assistir a um julgamento, ir a uma corrida de kart, andar barco, ajudar equipes de resgate, escalar uma montanha, ser voluntário em um abrigo, e daí por diante. Comece a fazer estas coisas. Veja quanto prazer você tem ao fazê-las e fique atento à opinião das outras pessoas. Na maioria das vezes nosso talento é descoberto pelos outros. Se após você concluir uma tarefa, alguém chegar e te der uma tapinha nas costas, pode ser que um novo talento esteja surgindo.

Não se deve desistir de procurar os próprios talentos. Há pessoas que descobrem muito cedo da vida a sua verdadeira vocação. Quando isto acontece é muito bom, mas se não aconteceu com você, não se desespere. Muitos começaram grandes negócios somente depois dos sessenta anos, depois de muitas tentativas e erros. Tenho um amigo que largou a profissão de vinte anos de analista de sistemas, para se dedicar a uma “Pet Shop”. Da ultima vez que o vi, ele parecia dez anos mais novo. Contou-me que no mês seguinte iria a uma feira internacional de animais de estimação, em Paris.


ALINHANDO OS NÍVEIS DE PAZER x HABILIDADES

Alinhando-se os dois níveis, temos nas intercessões as áreas com os seus respectivos desempenhos. Na primeira faixa temos os “faixas pretas” que são as pessoas de +3 afinidade e +3 habilidade, gerando comportamentos de altíssimo desempenho. São os “Pelés” das profissões. Na faixa verde, temos as pessoas de alto desempenho e, na amarela, os de desempenho médio. A faixa vermelha destaca os de baixo desempenho.

Para a avaliação de nossa carreira profissional, quanto mais próximo estivermos da faixa {+3, +3}, mais realizados nos sentiremos. Quanto mais longe da faixa vermelha, menos estresse.

Obviamente, não poderemos nos furtar de termos que fazer coisas da faixa vermelha. Nem sempre podemos escolher o que fazer e em algumas circunstâncias somos mesmos obrigados a encarar situações onde temos poucas habilidades. Nestes caso recomendo que peçamos ajuda. Tem sempre aquele amigo que sabe lidar muito bem com algumas situações específicas.

No trabalho, a minha recomendação e delegar estas tarefas para pessoas mais aptas a fazê-las ou contratar uma empresa especializada para fazê-lo. Com habilidade, podermos transformar o nosso ambiente de trabalho. Basta re-arrumar as coisas.



0 visualização

CLIQUE AQUI PARA NOS MANDAR UMA MENSAGEM

Inovai Consultoria Empresarial Ltda.

(84) 3211-3414 

WhatsApp: (84) 99921-9899

Rua Ipanguaçu, 1123,Tirol 

Natal/RN - Brazil

CEP 12345-678

e-mail: astenio.araujo@inovai.com.br

Instagram: @inovaiconsultoria

WhatsApp: +55 84 99921 9899

© Inovai Consultoria Empresarial Ltda.