Buscar
  • Astênio Araújo

NOMES DOS DIAS DA SEMANA EM VÁRIAS LÍNGUAS


São quatro as grandes unidades de tempo que usamos em nosso dia-a-dia. O ano e o dia vêm dos movimentos da Terra (revolução e rotação, respectivamente). O mês é originado pelo período de lunação. Falta, então, explicar a semana, que também tem origem astronômica, embora menos direta que as outras três unidades de medida de tempo.


Sabemos que a Lua tem infinitas fases, uma a cada instante de tempo. Mas, na maioria dos idiomas, apenas quatro delas possuem nomes próprios (Lua nova, quarto crescente, Lua cheia e quarto minguante). É bastante comum nos referirmos às “quatro fases da Lua", como se só estas existissem. Não é isso, mas como são as únicas com nome próprio, são estas que mais chamam nossa atenção.


São necessários sete dias, aproximadamente, para a Lua ir de uma fase a outra (insistindo que estamos aqui preocupa- dos apenas com as fases que têm nome próprio!), e parece que isso transforma o período de sete dias em algo que merece ser contabilizado. Uma unidade de tempo composta por sete dias consecutivos era, ainda Antigüidade, quase universal.


Além disso, eram conhecidos sete objetos celestes que mudavam de posição em relação às estrelas (os planetas Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno, além do Sol e da Lua). Os babilônios foram os primeiros a nomear os dias deste curto período lunar (entre uma fase e outra) em homenagem a tais objetos. Esta prática foi adotada pelos romanos e por outros povos europeus influenciados por eles. Além disso, os romanos também batizaram este período de "sete manhãs", Septmana em latim.


Na tabela abaixo, vemos os dias da semana em alguns dos principais idiomas.



Ordenando os dias da semana


Os dias da semana estão ordenados da seguinte maneira: dia do Sol, dia da Lua, dia de Marte, dia de Mercúrio, dia de Júpiter, dia de Vênus e dia de Saturno. Notamos que aparentemente esta ordem não tem nenhum sentido.


A língua portuguesa não dividiu os dias segundo o nome dos planetas porque no começo do cristianismo a Páscoa durava uma semana, período em que o trabalho era reduzido ao mínimo possível e o tempo era destinado exclusivamente a orações. Esses dias eram os feriaes, ou seja, feriados.


Para enumerar os feriaes, começou-se pelo sábado, assim como os hebreus faziam. O dia seguinte ao sábado seria o feria-prima (domingo), depois seria o segunda-feria (segunda-feira) e assim por diante. O sábado tem sua origem em Shabbath, dia do descanso para os hebreus.


O imperador Flávio Constantino (280-337), após se converter ao cristianismo, substituiu a denominação de Dies Solis ou Feria-prima para Dominica (dia do Senhor), que por sua vez foi adotada pelos povos latinos.


LATIM LITÚRGICO -> PORTUGUÊS

Dies Dominica -> Domingo

Feria Secunda -> Segunda-feira

Feria Tertia -> Terça-feira

Feria Quarta -> Quarta-feira

Feria Quinta -> Quinta-feira

Feria Sexta -> Sexta-feira

Sabbatum -> Sábado

* Em espanhol e em francês foi alterada, por motivos religiosos, a nomenclatura do domingo e do sábado; .

** Na língua saxã, Tiw, Wonden, Thor e Friga representam os deuses correspondentes na mitologia nórdica a Marte, Mercúrio, Júpiter e Vênus. Este idioma influenciou as línguas inglesa e alemã.


Fonte: Livro O TEMPO QUE O TEMPO TEM, escrito por Alexandre Cherman e Fernando Vieira - Editora: ZAHAR - Jorge Zarar Editora.

Compre o livro em: https://zahar.com.br/livro/o-tempo-que-o-tempo-tem



Conheça os nossos produtos e serviços clicando em: www.inovai.com.br




0 visualização

CLIQUE AQUI PARA NOS MANDAR UMA MENSAGEM

Inovai Consultoria Empresarial Ltda.

(84) 3211-3414 

WhatsApp: (84) 99921-9899

Rua Ipanguaçu, 1123,Tirol 

Natal/RN - Brazil

CEP 12345-678

e-mail: astenio.araujo@inovai.com.br

Instagram: @inovaiconsultoria

WhatsApp: +55 84 99921 9899

© Inovai Consultoria Empresarial Ltda.